Laura António Nhaueleque

Nome: Laura António Nhaueleque
Email: lauramacua@gmail.com
Grau Académico: Doutoramento
Categoria Profissional: Docente do Ensino Superior
Instituição: Instituto Superior Monitor (Moçambique)
Grupo de Investigação: Comunicação Intercultural
Area de Investigação: Relações Interculturais e Direitos Humanos
Tese de doutoramento: (2019), Nhaueleque, L. A, Direitos Humanos em Moçambique: Estado e Sistema de Policiamento

Principais publicações

Livros – Coautora

(2012), Bussotti, L., Nhaueleque, L. A., Gatti, M., “Tendenze religiose nel Mozambico Contemporaneo fra Cristianesimo, Sincretismo e Credenze Tradizionali”, Editora: Ibis, Pavia, Itália;

(2010), Bussotti, L., Nhaueleque, L. A., Gatti, M., (2010) África, Afrocentrismo e Religione
Outros autores, Ed IBIS, Pavia, Itália

Artigos

(2019), Nhaueleque L.A.,“A Formação da Polícia da República de Moçambique em Direitos Humanos”. pp 89-98. In: Ngoenha S.E. “(IN) JUSTIÇA: TERCEIRO GRANDE CONSENSO MOÇAMBICANO. Maputo. Real Design;

(2019), Nhaueleque,L.A: & Bussotti,L., “The Conceptualisation of Africa in the Catholic Church”. Social Sciences and Missions, 32, pp. 148-176;

(2018), Nhaueleque L.A., Os Direitos Humanos nas Constituições de Moçambique, In Bussotti, L e Castiano, J. (Eds). Participação da Juventude e da Mulher nos processos Eleitorais. Maputo: OXFAM, pp. 105-126;

(2018), Bussotti, L. & Nhauleque, L.A., “A INVENÇÃO DE UMA TRADIÇÃO: as fontes históricas no debate entre afrocentristas e seus críticos”. História (UNESP), Disponível em: e2018005. Epub June 07, 2018. ISSN 0101-9074. http://dx.doi.org/10.1590/1980-4369e2018005;

(2014), Nhaueleque, L.A., A Representação de Eduardo Mondlane “Arquiteto da Unidade Nacional” na Política e na Imprensa Moçambicana. Comunicação & Sociedade, Maputo, N. 4, pp. 24-45. Disponível em: http://www.cec.org.mz/revista-comunicacao-e-sociedade-2014/

(2011), Nhaueleque, L. A., “Eduardo Mondlane e o Mito da Unidade Nacional”, In: As Grandes Figuras da África Lusófona
Organizadores: Luca Bussotti e Severino Elias Ngoenha,
Editora: Aviani, Udine, Itália